A presunção indesejada nas artes marciais

Nova Imagem (17)Através da pratica cotidiana o artista marcial começa a potencializar suas capacidades físicas e lapidar suas habilidades motoras, tornando-o mais forte fisicamente. Além disto promove o autoconhecimento e lhe assegura confiabilidade própria.

Estas propriedades quando cultivadas de forma virtuosa ao longo de anos de treino físico e mental conferem ao marcialista ganhos consideráveis na sua gênese humana.

Porém é comum nos depararmos com lutadores que deturpam estes proveitos marciais, achando serem mais capazes do que outros indivíduos, por acreditarem erroneamente na superioridade técnica da força de seus punhos.

Nova Imagem (18)Muitos cometem este grave equívoco por exagerar na autoconfiança ou por não ter tido a orientação correta de seu professor ou mestre. Extrapolam a legitimidade alheia desrespeitando totalmente os preceitos marciais.

Este ato hostil muitas vezes acontece nas adjacências do próprio dojo / academia na presença de todos os outros praticantes.

Quando treinamos coletivamente, principalmente nos confrontos de luta, estamos trocando experiências mútuas, ou seja, um colaborando com o progresso do outro, sendo assim, jamais podemos deixar que a cobiça, a maldade, o egoísmo e a estupidez prevaleçam sob o respeito e a cooperação entre dois legítimos artistas marciais.

Nova Imagem (19)Que a sensatez e a generosidade predomine nestes momentos antagônicos e nos de a lucidez para administrar nossas emoções com juízo e dignidade.

Compartilhe:

Marcio Machado

Apaixonado por esportes iniciou sua prática esportiva muito jovem em meados da década de 80, praticou vários esportes quase todos eles de forma competitiva, pois sempre gostou de extrair o máximo de sua performance atlética. Isto o incitou para se dedicar aos estudos na área da saúde, formou-se na licenciatura em educação física na Uniban e bacharel pela UniÍtalo, graduou-se também em Fisioterapia pela mesma universidade. Deu prosseguimento no seu aprendizado cursando quatro Pós Graduações a primeira em Treinamento Desportivo (Uni-FMU); Traumato-ortopédica (Uni-Gama Filho), Lutas e Artes Marciais (Uni-Estácio) e Treinamento Funcional (Uni- Estácio), atualmente está cursando outra especialização Lato Sensu na Faculdades Metropolitanas Unidas em Atividade Física Adaptada e Saúde. Contínua ampliando seus conhecimentos através de outras fontes de saber como livros, artigos, cursos e pesquisas. Mediante a uma vida inteira dedicada à saúde e bem estar, leciona há décadas artes marciais em três modalidades de luta e prescreve treinamento personalizado para inúmeras pessoas. Também atua como fisioterapeuta em reabilitação física e desportiva. Seu objetivo é proporcionar através da atividade física uma melhor qualidade de vida aos seus clientes e alunos.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *